.

A Parabolé

Uma usina de soluções culturais e projetos educativos. Atuamos na formação de professores, desenvolvemos um conjunto de oficinas artísticas e produzimos espetáculos, músicas, livros e filmes para crianças, adolescentes, agentes sociais, professores e pais.

Saiba Mais

Depoimentos

“O que andas a fazer com um caderno? Nem sei, pai. Escrevo conforme vou sonhando. E alguém vai ler isto? Talvez. É bom ensinar alguém a sonhar…” Mia Couto em Cadernos de Kindzu A impressão que tenho é que a Parabolé nasceu assim: imaginando que seria “bom ensinar alguém a sonhar”. É uma empresa que inspira. Até a leveza do logotipo nos convida a voar na imaginação. A Escola Trilhas e a Parabolé são parceiras desde 2008, desde o seu nascimento. A Parabolé se consolidou com muito trabalho. Os projetos que faz, seja espetáculos, CDs, livros, filmes, oficinas, cursos ou palestras são sempre de excelência e demonstram competência, sensibilidade e genialidade de sua equipe. Os temas abordados nos espetáculos provocam reflexões e impulsionam mudanças de comportamento, pois tratam de assuntos da contemporaneidade. Além disso, a Parabolé tem uma preocupação social, leva cultura, música e conhecimento para escolas públicas e privadas nos mais distantes lugares do estado. Espalha encantamento por onde passa... “Escreve conforme vai sonhando...”
Maria Inês Weigert Galvão - Escola Trilhas
“A Parabolé tem propiciado muitos momentos de alegria e encantamento aos pacientes do hospital Pequeno Príncipe e a seus familiares. Projetos como “Bumba meu boi” e a duas temporadas de “Que bicho é esse?” preencheram os espaços do hospital com a magia da música e das encenações, dando à experiência do internamento um novo significado. Juntando talento e sensibilidade, os artistas da Parabolé têm nos ajudado a fazer do hospital um espaço em que também se faz e usufrui arte.”
Claudio Teixeira – Hospital Pequeno Príncipe
“A Parabolé é uma organização que tem um trabalho muito sério e dedicado, com profissionais competentes e que colocam o nosso público que são as crianças, adolescentes e os professores de São Luiz do Purunã como o centro de suas ações. Outro diferencial é a exclusividade que sempre trataram nossas demandas, por atuarmos em uma região carregada de história, cultura e riquezas naturais, associamos essa realidade aos nossos projetos e sempre tais especificidades foram atendidas, respeitando todos os preceitos pedagógicos e educacionais.”
Geovana Madruga e Luana Bariviera - Instituto Purunã
“Vejo a Parabolé como importante propagadora de cultura, diversão e arte para crianças. Seu constante e afinco estudo sobre o assunto é visível em cada projeto, espetáculo, vídeo e texto que se voltam para o tema. É uma empresa com extenso comprometimento no estudo do universo infantil, o que confere cultura pensada em detalhes para os pequenos grandes espectadores.“
Paula Martins - Criança na Plateia